segunda-feira, 18 de junho de 2012

A restauração de Havana Velha, Cuba


Entrevista (em espanhol) com *Eusebio Leal Spengler: “La restauración no puede ser una cosa preciosista, sinó sociológica”

*Doutor em Ciências Históricas e Mestre em Ciências Arqueológicas, Historiador da Cidade de Havana e Diretor do Programa de Restauração do Patrimônio da Humanidade, se notabilizou de maneira rara pela condução das obras de restauração da Arquitetura Histórica de Havana Velha, declarada pela UNESCO em 1982 como Patrimônio da Humanidade.

Além de todos os títulos, Eusébio Leal é amigo e um apaixonado pelos habitantes de Havana Velha. Conhecedor de suas necessidades e solucionador de problemas tão vitais como é a questão de moradia.

Leal parte do princípio que a restauração não deve ser motivo de especulação imobiliária e nem servir de benefício para poucos. Ao contrário, deve-se ter em conta os habitantes locais e apresentar soluções que agradem a todos.

Havana Velha, um conjunto de riquíssima arquitetura barroca e neoclássica do século XVI, é a região de Havana que os maus - caráteres (e bota mau-caráter nisso...) "brasileiros" mostram quando querem debochar de Cuba.


Enviado por Sílvio de Barros Pinheiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Registre seus comentários com seu nome ou apelido. Não utilize o anonimato. Não serão permitidos comentários com "links" ou que contenham o símbolo @.

Postar um comentário